EUA

Compras online e offline nos EUA

Enquanto o aumento do dólar pode ter mudado os planos de muita gente com relação a uma viagem para a Disney, quem já estava com viagem marcada – ou quem aceitou o novo câmbio – continua com o pé no avião a caminho da Flórida.

E, além dos parques, os EUA primam pela oferta de produtos para compras. Todo mundo conhece alguém que vai e fala maravilha dos preços das roupas e tênis em outlets, ou aquela grávida que trouxe carrinho, garrafinhas, pomadas e bodies de 3 a 24 meses para seu rebento.

Apesar do dólar, fazer compras lá – sabendo procurar – compensa.

E vale a pena fazer compras online e offline, de acordo com alguns quesitos: tempo, disponibilidade e especificidade do item procurado.

Comprar online:
Já fiz diversas compras online em sites como Amazon, Carter’s e Disney Store. Também já fiz compras excelentes online no Target e Walmart, dois queridinhos dos brasileiros.

Quando é melhor fazer online: quando o que você quer comprar é muito específico e pode ser que ao chegar à loja física você não encontre. Exemplos recentes: tudo que dizia respeito ao filme Frozen estava esgotado nas lojas, tanto física quanto virtual. Quando achei o que queria antes da viagem passada, já mandei entregar para garantir. Às vezes o que se deseja comprar é um legging vermelho tamanho 5 anos. Pode ser que ao chegar à loja física você encontre somente 3 anos, 6 anos, e não o exato que você procura.

Então, se o há coisas específicas nas suas compras, voto que é melhor comprar logo online e garantir! Além de não perder o tempo precioso da viagem procurando compras, é muito mais prático.

O único porém é se precisar trocar ou devolver algo – aí sim, vai haver uma perda de tempo para ir num Fedex, Ups ou similar devolver o pedido. Com o plus de ainda ter que provavelmente imprimir um voucher para a devolução. Aconteceu isso na nossa viagem passada, mas por sorte a administradora da casa que ficamos era nota dez, e conseguimos deixar a devolução lá no escritório dela (ainda que tenha representado uma perda de tempo).

Lembre-se sempre também de checar com o hotel onde vai ficar se há custo para receber encomendas… Se houver, o barato pode sair muito caro! Uma vez queria comprar uns 3 pijamas para minha filha e cada um custava USD 7. O hotel onde minha irmã ia se hospedar aceitava receber as encomendas, mas cobrava aproximadamente USD 20 por pacote a cada cinco dias! Não valia a pena mesmo.

E cuidado também com os prazos de entrega: se pedir muito em cima da hora, o pacote pode chegar depois da partida de volta para casa!

Comprar nas lojas reais:
Essas compras são para aquelas coisas que vale a pena ver os itens nas mãos para saber se é o que se quer… Eu, por exemplo, acho que tênis tem que experimentar. Não compraria online para evitar o trabalho de trocar. Já aconteceu de ir na loja, experimentar e ao chegar ao hotel e experimentar de novo ver que não era bem aquele, não estava tão confortável.

Também há aquelas compras por impulso, que valem a pena mas entram no grupo “já que estou aqui e está barato, vou levar”. Ou ainda, aquelas recordações lindas da viagem, as fantasias das crianças, aquela caneca legal que você viu e vai trazer para lembrar dos momentos… Aquela camiseta bacana que é irresistível…

Aí vem a dica de ouro em termos de compras nos EUA: guarde todos os cupons do que comprou! Eu uma vez comprei um óculos, me arrependi, e perguntei se poderia trocar por outro – ainda nem tinha usado. A vendedora falou que se estivesse tudo ok com o óculos (sem arranhões) ela me devolveria o dinheiro, olha que máximo… E devolveu! Levei lá e eles estornaram a compra. Ou seja: se em algum momento você tiver se arrependido amargamente de uma compra, vá na loja e peça um “refund”… Eles costumam fazer isso na boa… Troca nem se fala… Basta ter o cupom!

Atente sempre nas lojas aos descontos, não deixe de pegar os caderninhos nos outlets ou se cadastrar nos sites para receber cupons por email.

A Carter’s e a Disney Store estão sempre com promoções incríveis! Sempre bom ter atenção ao site, pois às vezes a chamada para descontos está ali, indo e vindo, e nem notamos.

Às vezes as promoções está ali, discretas, como essa de frete grátis no site da Disney
E 30% de desconto? É bom ou não? Fonte da foto: Site da Disney Store em 24/04/15

Os outlets mais conhecidos de Orlando são da cadeia Premium – Simon Mall: um na Vineland Ave e outro na International Drive, mais para o lado do Mall at Millenia. Você tem que se cadastrar para ter acesso aos cupons! E vale muito a pena. A dica é deixar para imprimir perto da viagem, pois apesar de haver alguns cupons que valem o ano todo, alguns são para períodos determinados, e com datas próximas à emissão.

E atente às regras também: há vezes que o desconto é um percentual sobre o total; às vezes é um desconto sobre um valor determinado. Atente à regra para fazer o melhor negócio.

Outras lojas que valem muito a pena para quem quer economizar são Marshalls, TJ Maxx e Ross Dress For Less. Se você tiver paciência e jeito para o garimpo, encontra verdadeiros achados. Na última viagem as grandes compras foram malas Samsonite e brinquedos. Para se ter uma ideia, pagamos USD 13 + taxas em bonecas da linha Ever After High… As mesmas bonecas vi aqui nas lojas de brinquedo por R$180,00. Aliás, nessa última viagem, o que realmente valeu a pena comprar foi brinquedo: apesar da alta do dólar, os preços ainda eram extremamente vantajosos!

E por fim, para aqueles que têm disposição de encher a bagagem e estão com uma festinha infantil engatilhada, vale o passeio até a Party City. Há diversos itens de decoração e lembrancinhas para aniversários de diversos temas e com preços bem atraentes!

Outra dica: alguns cartões de crédito oferecem seguros sobre compras feitas no exterior. Caso pretenda usar o cartão, mais um motivo para guardar os cupons: em caso de algum roubo, pode ser que o seguro cubra uma parte do prejuízo. Veja a política do seu cartão. Rezemos para não ocorrer, mas na dúvida, sempre bom pensar em todas as alternativas.

Veja alguns posts legais sobre compras da Andreza aqui e aqui!
Outros posts legais do Aprendiz de Viajante e do Vai pra Disney aquiaqui e aqui.

4 comentários em “Compras online e offline nos EUA

Deixe uma resposta